Dicas de Namoro #2 - Quando o amor morre



A gente não sabe dizer quando nem como isso acontece - um belo (?) dia acordamos e percebemos que não amamos mais a pessoa que namoramos. E agora?

Sem hipocrisia: aquele que termina uma relação porque deixou de amar nunca sofre como aquele que ainda sente amor. NUNCA. Ter pena, sensação de impotência diante da tristeza alheia, ok. Mas é só. O carinho que um dia todos vamos sentir, vem antes para aquele que deixou de amar primeiro - só isso.

Não pergunte motivos. Quem deixa de amar não vai saber responder, e muitas vezes, na raiva, acaba falando coisas que não são verdades; ou que são, mas nem todos os momentos pedem sinceridade nua e crua. O desespero faz a gente falar coisa que não precisa ser dita. Por isso, saia de perto e evite as perguntas.

Quando o amor morre, morre com a gente um fio de esperança no 'amor eterno'. O coração fica calejado e adaptado a todas essas fases - e no fundo, a gente agradece por ter deixado de amar primeiro. Só quem assistiu de perto o amor do outro morrrendo, sabe a dor de não poder fazer nada pra recuperar.

--

Mandem suas perguntas e sugestões para o inbox de nossa Página no Facebook: http://facebook.com/porqueasnamoradas

Nina Lessa é jornalista, tem um site próprio, livro lançado, vlog e está em todas as redes sociais.
www.ninalessa.com
@tchutchu no Twitter
facebook.com/ninalessa
@tchutchunina no Instagram
youtube.com/tchutchunina

Nenhum comentário:

Postar um comentário